Concórdia é o município catarinense com mais focos do mosquito da dengue até o momento

Conforme a Dive, Concórdia já tem 62 focos neste ano.


Por Catanduvas Online

09/01/2020 15:07



img


Ao que parece, o ano de 2020 vai repetir 2019 no que diz respeito aos casos de focos do mosquito Aedes aegypti, o transmissor de doenças como a dengue. Conforme o boletim mais recente da Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (DIVE), até esta quarta-feira, dia 08, o município apresentava 62 focos do mosquito (até terça, era 43).



Este número é mais que o dobro do localizado na última semana. Na sexta-feira, dia 03, Concórdia já apresentava 22 larvas. O número cresceu rapidamente. E ainda deixa o município como a cidade catarinense com mais focos. Conforme a Dive, Concórdia aparecia a frente de Balneário Camboriú e  São Miguel do Oeste, que costumam liderar as listas.

Entre os bairros de Concórdia que já apresentaram focos neste ano estão Santa Cruz, Centro, Industriários, Catarina Fontana, Nações, Renascença, São Miguel e Petrópolis, além do Frei Lency e Tamanduá. Em relação ao ano passado, os locais têm se ampliado, o que preocupa ainda mais. Normalmente, os focos são encontrados nas armadilhas da equipe do programa Combate à Dengue, da Unidade Sanitária de Concórdia.



"A preocupação tá bem grande, porque já iniciamo o mes com poucos dia súteis e já com 43 focos. E passamos a ter mais três bairros considerados infestados: Centro, Santa Cruz e Nações. A população precisa ter um cuidado muito grande. A gente não tá conseguindo fazer o controle dessa situação. Não pode ter nada que possa acumular água, tanto dentro de casa, como fora. Isso serve de criadouro nestes dias de alta temperatura", diz Mara Sampaio.

 


 ?>

 

Fonte/Rádio Rural