Vereador Odair pede melhorias para as comunidades do interior

Também pede por de estudo por novo regime previdenciário


Por Catanduvas Online

28/05/2019 16:22



img


Linha Vera Cruz-Fotos: Assessoria da câmara

 

O vereador Odair Gabrielli voltou a mostrar preocupação com as comunidades do interior de Catanduvas. Shazan, como é conhecido, direcionou dois dos seus cinco pedidos para tentar sanar os problemas dos munícipes do interior.

 

Primeiro o vereador solicitou que a Administração Municipal tome as devidas providências para que seja realizada a coleta contínua do lixo nas comunidades do interior, pois os munícipes estão reclamando que há dois meses o caminhão não tem passado pelo local recolhendo o lixo. Shazan encaminhou fotos que comprovam a situação do local.

 

 

O segundo pedido é para que sejam concluídos com urgência os serviços de manutenção e cascalhamento das estradas na Linha Vera Cruz, pois os veículos estão atolando no local e diante da falta de conclusão das obras o tráfego torna-se mais difícil. Shazan também destacou a necessidade de fechamento dos bueiros que foram abertos.

 

Além dos dois pedidos para as comunidades do interior, Shazan também fez dois pedidos de informação. O primeiro deles é para que seja encaminhada a relação de todo o valor gasto com a Rua Júlio de Castilhos e que seja informado se já foi repassada a integralidade do valor porque não constam tais informações no Portal da Transparência. O segundo é para que sejam encaminhadas as cópias das Atas das Audiências Públicas que trataram do asfaltamento que será realizado na Rua Nereu Ramos, dos Bairros Centro Oeste e Sayonara.

 

Para terminar, Shazan ainda pediu que o Poder Executivo estude a viabilidade de instituir regime previdenciário próprio ou regime previdenciário complementar de natureza fechada. Segundo o vereador, o pedido é motivado na orientação do Tribunal de Contas de Santa Catarina aos municípios que não instituírem regime previdenciário complementar irão sentir, a longo prazo, o peso dessa omissão, pois continuarão complementando proventos e pensões com recursos de seu orçamento, onerando o município em relação aos limites de gastos com pessoal. Shazan afirmou que está preocupado com os prejuízos que os servidores do município possam vir a suportar num futuro próximo e que por isso realizou o pedido.

 

Assessoria