PMSC deflagra operação com mais de 4 mil policiais no Estado

Na comarca de Catanduvas foram abordadas 300 pessoas em locais públicos e estabelecimentos comerciais


Por Catanduvas Online

09/07/2018 22:51



img


Foto:Divulgação PM

 

A Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) desencadeou neste fim de semana, em todo o Estado, a “Operação 4.000”. A ação policial teve como objetivo reduzir a criminalidade, vias de fato, furto, roubo, bem como fatos relacionados com a violência contra mulheres que, geralmente, estão correlacionados direta ou indiretamente a ingestão de bebidas alcoólicas e uso de drogas.

 

Nesse sentido, a Polícia Militar intensificou o policiamento através de barreiras itinerantes, voltadas à Lei Seca, bem como a fiscalização de estabelecimentos comerciais como bares, bailes e similares. Para isso, foram empenhados na operação mais de 4.000 policiais militares no Estado.

 

De acordo com o Sargento Vladimir Carletto, nos dois dias de operação, sexta e sábado, com horário das 20h ás 2h da manhã, foram realizados na Comarca de Catanduvas, diversas ações, entre elas abordagem de cerca de 300 pessoas em locais públicos e estabelecimentos comerciais, 135 veículos abordados, 06 recolhidos, 10 ato de infração, e um condutor preso em flagrante por dirigir embriagado.

 

No estado nos dois dias de operação foram realizadas 952 barreiras de fiscalização que resultaram na abordagem de 18.021 veículos, dos quais 653 foram removidos por irregularidades diversas e 350 documentos foram recolhidos. Foram realizados 1.311 testes de alcoolemia que resultaram em 60 autos de constatação de sinais de embriaguez e 61 pessoas foram presas/apreendidas.

 

FISCALIZAÇÃO 

Durante a operação foram vistoriados 1.712 estabelecimentos, sendo que 185 não possuíam alvará de funcionamentos, 109 estavam com o alvará vencido e 97 não estavam respeitando o horário estipulado. Nesses locais, 12.245 pessoas foram abordadas e 31 presas/apreendidas por motivos diversos, como porte de drogas, armas e outros.