Câmara assina contrato administrativo para iniciar reformas da nova sede


Por Catanduvas Online

20/06/2018 16:56



img


Assinatura do Contrato-Vereadores, colaboradores e representante da Andrade 

 

A Presidente do Legislativo de Catanduvas, Monalisa Ruaro, assinou na tarde de segunda-feira (18/06) o contrato administrativo nº 0004/2018 que trata da reforma e ampliação da sede própria da Câmara de Vereadores de Catanduvas. A empresa ganhadora do processo licitatório, na modalidade de tomada de preço, foi a Construções Herval LTDA (Andrade Materiais de Construção). O valor do contrato é de R$ 503.497,52.

 

Com a construção da sede própria, a Câmara deixará de gastar com aluguel e terá um espaço próprio com mais acessibilidade e maior espaço físico para o armazenamento de documentos oficiais, além de um local adequado que poderá ser usado também pela comunidade.

 

Pelo contrato, a empresa se obriga a executar os serviços em perfeita harmonia e concordância com o Projeto de Engenharia, Memorial Descritivo e Cronograma Físico Financeiro. O prazo para a execução dos serviços será de 180 dias, contados a partir da data da emissão da Ordem de Serviço, podendo ser prorrogado caso ocorra situações que justifiquem.

 

A vereadora e Presidente da Casa, Monalisa Ruaro, discursou antes da assinatura do contrato para os vereadores e funcionários da Casa e lembrou do árduo processo que se levou até o presente momento. Monalisa recordou os desafios para a construção da sede própria, que começaram com a desapropriação do antigo Banco do Brasil até as lutas e dificuldades para a concretização do que ela definiu como “sonho de todos”. A Presidente fez questão também de agradecer aos antigos presidentes, em especial aos vereadores Odair Gabrielli (Shazan) e Salete Ribeiro, que foram os primeiros a poupar recursos financeiros da Câmara para a construção da sede própria.

 

Por fim, Monalisa agradeceu aos atuais vereadores, lembrando do compromisso que todos assumiram no começo da atual gestão de trabalhar em prol do povo, deixando o partidarismo de lado para o bem comum da sociedade. Mona também fez questão de agradecer a Deus pela oportunidade de presidir a Casa e lembrou do seu falecido pai, que também marcou carreira na política.

 

Assessoria