Pastor acusado de matar esposa vai a júri popular em dezembro

O pastor foi preso 13 dias depois após o corpo da esposa ser encontrado amarrado a uma árvore, próximo a BR-282


Por Catanduvas Online

21/11/2017 10:32



img


O júri do pastor Valdemar dos Santos, acusado de matar a mulher, será no dia 14 de dezembro na cidade de Pinhalzinho. 

Para o ato devem ser intimados o Ministério Público, o defensor do acusado e o representante da Subseção local da Ordem dos Advogados do Brasil. 


O pastor foi preso 13 dias depois após o corpo da esposa Luciane Santos, de 29 anos, ser encontrado amarrado a uma árvore, próximo a BR-282 entre os municípios de Saudades e Pinhalzinho. 

Segundo as investigações, o pastor é o responsável pelo homicídio qualificado e a motivação seria financeira, pois foi descoberto um seguro de vida no valor de R$ 300 mil.

 

Fonte: WH3