Padre de Joaçaba é alvo de ataques em postagem sobre vacina


Por Catanduvas Online

11/01/2022 16:49



img


O pároco da Paróquia Santa Terezinha de Joaçaba, Pedro Ângelo Manchini, tem sido alvo de ataques nas redes sociais nos últimos dias. O padre está sendo acusado de usar a igreja para criticar o presidente Jair Bolsonaro e fazer campanha aberta para a esquerda, difundindo ideias comunistas.

 

Além de xingamentos, o grupo que se voltou contra o padre pede ao Bispo Dom Mário Marquez sua imediata transferência.

 

Padre Manchini atribui a polêmica a postagem feita depois que tomou a terceira dose da vacina contra a Covid-19, em que escreveu: “Diga sim a vida. Tome a dose de reforço e ajude a salvar a sua vida e a do próximo. Diga não ao negacionismo, ao culto a ignorância que ameaça a vida dos brasileiros. Diga sim a democracia e não a todo tipo de totalitarismo. Viva a democracia, viva a ciência a serviço da vida, viva a nossa fé no Deus da vida!”

 

O pároco prefere não se pronunciar no momento, até que o Bispo se manifeste. Disse apenas que o “amor vai vencer o ódio”, e que a postagem, que já conta com mais de 700 comentários, traz em sua maioria, mensagens de apoio de toda parte do país.

 

A assessoria de imprensa da Diocese de Joaçaba informou que o Bispo está viajando e que não vai se pronunciar por enquanto.

 


 ?>

 

Fonte Caco da Rosa