Perícia aponta que jovem que morreu esmagado por caminhão teria se deitado embaixo devido ao seu estado de embriaguez

Tragédia ocorreu no mês de junho em Catanduvas


Por Catanduvas Online

27/07/2020 19:36



img


A tragédia que vitimou o jovem Alessandro Fleck, 17 anos, foi registrada no dia 13 de Junho em Catanduvas.

 

Conforme a apuração dos fatos pelo SIC e perícia técnica o jovem teria se deitado embaixo do caminhão devido ao frio e ao seu estado de embriaguez.

 

Conforme o Delegado Antonio Lucas, responsável pela Delegacia de Policia de Catanduvas, o inquérito foi concluído há alguns dias, e esclarece que o jovem deu causa a própria morte quando se embrenhou entre as rodas do caminhão.

 

“Imagens de videomonitoramento recolhidas pelo Setor de investigação revelam o trajeto do jovem até muito próximo ao caminhão, trambaleando, no percurso não teve acesso ou qualquer contato com outras pessoas”, ressaltou o delegado.

 

Por volta das 5 horas da manhã o motorista deu partida e não percebeu que havia uma pessoa embaixo do caminhão, causando esmagamento da face da vítima.

 


MEPITA ?>

 

Relembre:

 

Um jovem foi encontrado morto na manhã deste sábado (13) na Rua da Paz, Bairro Cidade Jardim.

 

Segundo informações o rapaz de iniciais A.F., estaria dormido embaixo de um caminhão Ford/Cargo que fica estacionado na Rua. O motorista ao sair ainda escuro para trabalhar deu partida e acabou passando sobre a cabeça do rapaz.

 

Por volta das 6 horas da manhã o Corpo de Bombeiros de Catanduvas, foi acionado e ao chegar no local, o jovem encontrava-se sem os sinais vitais e com exposição de massa encefálica.

 

A Polícia Militar também atendeu a ocorrência e o Instituto Geral de Perícias (IGP), foi acionado para fazer o recolhimento do corpo. O jovem é de Catanduvas e morava no Bairro Sebaldo Kunz.